O Museu da Seresta e Serenata é uma entidade democrática, aberta a participação de todos aqueles desejosos de dar sua contribuição para preservação da canção brasileira de amor. Dada a importância do papel atual desta entidade no cenário cultural de nosso país, e a ampla procura por informações sobre as pessoas que acreditam na causa e participam com maior ou menor freqüência das noites de serenata, faz-se necessário descrever o perfil desses idealistas e como eles interagem com o Museu.
Em função de uma série de aspectos que estão listados a seguir, podemos classificar esses personagens nas seguintes categorias INTEGRANTES, PARTICIPANTES ou VISITANTES do Museu da Seresta e Serenata de Conservatória:

I - INTEGRANTE

  • Acredita e defende as normas instituídas sob o título de "Características Essenciais" do Museu, comportando-se em linha com as mesmas;
  • Tem residência própria em Conservatória;

  • Está presente nas serestas do Museu e nas Serenatas, todas as sextas-feiras e sábados, ausentando-se raramente;

  • Atua direta ou indiretamente no movimento por puro idealismo, sem buscar compensações financeiras ou promocionais;
    Dentro desta categoria, que engloba as pessoas mais comprometidas com o movimento, podemos ainda subdividi-la em dois grupos: O "Integrante de Cena" e o "Integrante de Apoio".

INTEGRANTE DE CENA

  • É aquele que canta (solo) e/ou declama e/ou participa tocando algum instrumento, nas Serestas do Museu e nas Serenatas.

  • As músicas que apresenta durante a Serenata seguem uma escalação pré-definida, sob a orientação dos fundadores do Museu, tendo como base as 150 canções do livreto "Canções Eternizadas - Séculos XIX e XX" elaborado pelo Museu para a Serenata do Milênio que foi realizada em 16/12/2000. O Integrante de Cena, canta as canções de amor de todos os tempos, que estão eternizadas na alma lírica brasileira.

  • Não é músico profissional;

  • Não está impedido de apresentar-se fora de Conservatória desde que não vincule sua apresentação ao Movimento ou ao nome do Museu. Pode, entretanto, divulgar Conservatória e descrever o Movimento Musical, como qualquer outro admirador do lugar.

INTEGRANTE DE APOIO

  • Embora não cante, toque ou declame, participa ativamente das atividades do Museu, inclusive na organização de eventos;

  • Inclui também aquele que, com regularidade, desenvolve atividades em paralelo, que fortalecem a identidade cultural do lugar e a preservação do patrimônio histórico;

  • Nesse grupo estão os cônjuges dos "Integrantes de Cena".

II - PARTICIPANTE

  • Sabe que existem as normas ("Características Essenciais"), mas não está atento para as mesmas ou não acha relevante cumpri-las integralmente;

  • Participa do movimento com certa regularidade (a cada duas ou três semanas por mês). Hospeda-se em pousadas/hotéis, casa de amigos ou tem imóvel alugado para veraneio;

  • Canta (solo) e/ou declama e/ou participa tocando algum instrumento nas Serestas do Museu e nas Serenatas mas, nas Serenatas, seu repertório não está em linha com o libreto "Canções Eternizadas - Séculos XIX e XX"

  • Pode ser músico profissional ou amador;

  • Como alguns são profissionais ou estão buscando se profissionalizar, costumam apresentar-se fora de Conservatória. É esperado, contudo, que sua apresentação não seja associada ao Movimento de Conservatória ou ao nome do Museu. Pode, entretanto, divulgar Conservatória e descrever o Movimento Musical, como qualquer outro admirador do lugar.

III - VISITANTE

  • Não tem compromisso com normas;

  • Vem a Conservatória e participa do Movimento Musical sem ou com pouca regularidade;

  • Canta (solo ou em grupo) e/ou declama e/ou participa tocando algum instrumento nas Serestas do Museu e seu repertório nem sempre está comprometido com Movimento;

  • Raramente canta (solo) na Serenata, tendo em vista que a mesma segue um roteiro pre-estabelecido e requer alguma regularidade e compromisso dos participantes.

O Museu da Seresta e Serenata de Conservatória além de uma entidade democrática é também dinâmica. Com isso, é muito comum que as pessoas que circulam pelo Movimento, circulem também entre as categorias, dependendo da alteração de sua postura em relação ao movimento. Uma pessoa hoje classificada como PARTICIPANTE, por exemplo, poderá amanhã se enquadrar como INTEGRANTE e vice-versa.